Armazém para Todos


De iniciativa da Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja), a Campanha Armazém Para Todos tem o objetivo de incentivar a construção de silos em propriedades de pequeno e médio porte no Estado. A ação visa mudar a realidade do maior produtor de grãos do país: o déficit de armazém.

O SIMULADOR desenvolvido pela Aprosoja MT atesta que produtores rurais que possuam qualquer tamanho de área têm viabilidade para a construção de armazém, com estrutura proporcional ao que produz, com retorno do investimento em até cinco anos.

Armazéns pertencentes aos produtores podem ser vistos como um fator estratégico para a venda, pois permite que a comercialização seja realizada em momento oportuno e de melhores preços. Além de ser garantia para safras em que o tempo interfere na colheita dos grãos. Garante ainda a segurança alimentar e a soberania do Brasil, que tem estoques mantidos em casos de crises.

Dados de Armazenagem

A CAPACIDADE DE ARMAZENAGEM DE GRÃOS DE UM PAÍS DEVE SER 20% MAIOR QUE A SUA PRODUÇÃO AGRÍCOLA ANUAL.

Essa é a recomendação da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO).


O BRASIL ESTÁ LONGE DO IDEAL

A Conab estima que as safras de soja e milho atinjam 230 milhões de toneladas em 2021. Mas o Brasil tem capacidade de armazenagem para somente 172 milhões de toneladas de grãos. O déficit na armazenagem brasileira passa de 100 milhões/t.
(considerando o volume total produzido + 20% recomendados pela FAO)



X



SOBRA ESPAÇO NOS ESTADOS UNIDOS

O Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) aponta para a produção de 500 milhões de toneladas de soja e milho este ano.
TUDO PODE SER ARMAZENADO!
Nos Estados Unidos, a capacidade de armazenagem de grãos passa de 630 milhões.

Mato Grosso

Mato Grosso é o maior produtor de grãos do país, mas o Estado também enfrenta gargalos logísticos. Um deles é o déficit de armazenagem, que chega a 32 milhões de toneladas.

Falta espaço para guardar quase metade do que o Estado produz.

Em dez anos, a produção estadual de grãos aumentou em mais de 43 milhões de toneladas. Mas a capacidade para armazenar os grãos não acompanhou esse aumento. A capacidade estática de armazenagem evoluiu somente 11,8 milhões de toneladas, neste período de dez anos.


  • Aumento da produção em 43 M/Ton
  • Capacidade de armazenamento em 11 M/ton

CONSTRUIR ARMAZÉNS É UMA NECESSIDADE URGENTE

O Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) aponta que, nos últimos anos, a taxa de crescimento da capacidade estática de armazenagem foi de 3,7% ao ano.

Mato Grosso precisa ampliar a sua capacidade estática para 125 milhões de toneladas até 2030. Para alcançar a meta, precisaria ter uma taxa de crescimento anual da capacidade de armazenagem na ordem de 22,9%,


  • Taxa de crescimento da capacidade estática de armazenagem foi de 3,7% ao ano
  • Necessidade de capacidade estática para Mato Grosso é de 125 M/Ton até 2030

QUEM SÃO OS DONOS DE ARMAZÉNS PELO MUNDO

A Conab divulgou em maio de 2021, realidades bem distintas sobre a armazenagem de grãos no Brasil e em outros países, que também são importantes produtores agrícolas.

(Percentual da capacidade de armazenagem nas mãos dos produtores rurais, em cada país.)
Fonte: Boletim Estatístico /Conab

No Canadá, a capacidade de armazenagem instalada nas fazendas representa 85%, nos Estados Unidos 65%, na Europa 50%, Argentina 40% e na Austrália 35%.

No Brasil, o mapa de armazenagem de grãos está estagnado há muito tempo. Dos 172 milhões de toneladas de capacidade estática cadastrados, somente 24,8 milhões de toneladas estão nas fazendas.

NO BRASIL,SOMENTE 14% DA ARMAZENAGEM ESTÁ NO CAMPO, COM QUEM PRODUZ!

Simulador

Sobre

Novas linhas de créditos foram geradas para construção de armazenamento como menos burocracia e baixa taxas de juros.

Soja
Milho
ha
ha
sc/ha
sc/ha
R$/sc
R$/sc
R$/sc
R$/sc
Diferença preço disponível e balcão
Diferença preço disponível e balcão
%
%
%
%
%
%
R$/sc
R$/sc
%
%
%
%
BENEFÍCIOS POR SACA ARMAZENADA (em R$/SC)

Disponível - balcão
Disponível - balcão
Redução custos do frete ponta curta
Redução custos do frete ponta curta
Ganho com a padronização dos grãos
Ganho com a padronização dos grãos
Desconto médio das tradings pela umidade
Desconto médio das tradings pela umidade
Total
Total
Informações do Armazém

Capacidade recomendada do armazém (em toneladas)
ton
Valor Referência
R$
R$
Caso não possua o valor da construção, este será o valor de referência
%
índice
Valor financiado
Período para amortização do financiamento (em anos)
Período de carência para pagamento do juros e capital (em anos)
Taxa de juros (% a.a.)

Depoimentos

Armazenagem é manutenção da qualidade de colheita. Estoques dentro do país, também dão segurança para o consumo da população.


- Stelito Reis Neto

Superintendente de Armazenagem da Conab

Quando você consegue armazenar, que seja por 30 ou 60 dias, você consegue esperar para vender. Não precisa entregar a qualquer preço e nem depender de pagar armazenagem para terceiros.


- Laura Nardes

Produtora rural e vice-presidente do Sindicato Rural de Primavera do Leste.

Eu ia parar de plantar. Falei: se não sair o armazém, eu vou parar de plantar. Corri atrás e meu sonho realizou.
– Wanderley Cossetin.
Com armazém a gente dita as regras da colheita. Na época pensamos em aumentar colheitadeiras, mas o que adianta colher mais rápido e não ter onde colocar?
Jeverson Cossetin.

Família Cossetin – Produz soja e milho na fazenda de 510 hectares, em Nova Mutum.

É viável ter uma estrutura de armazenagem em propriedade de qualquer tamanho. A gente tem que mudar a política de crédito. Assim, o agricultor passa a ter liberdade e a ser dono do próprio produto.

Fernando Cadore, agricultor e presidente da Aprosoja Mato Grosso.

Eu consigo programar minha colheita, porque sei que tenho capacidade de colheita, recebimento e armazenagem. É um investimento que se paga fácil na propriedade, o estudo que eu tinha feito era para nove anos e ele se pagou com seis anos.

Fernando Ferri – produz soja, milho e feijão, em Campo Verde.

As empresas abusam muito na hora de classificar o grão. ”

– Wagner Scharf, agricultor em Nobres.

A família Scharf produz soja e milho em uma fazenda de 1200 hectares, no município de Nobres. Na safra passada, uma mesma carga de milho da propriedade teve duas classificações diferentes, em uma mesma empresa!

Armazém é para o produtor ser liberto de todas as amarras da comercialização. Aqui eu sou dono do meu produto.

- Tiago Cadore, agricultor em Campo Verde - Mato Grosso

Tiago Cadore cultiva soja e milho em 750 hectares e há duas safras conta com a estrutura de armazenagem na propriedade. Desde então, tem mais liberdade de negociação a produção e mais renda com a venda dos grãos na entressafra.

A gente é pequeno. Compra trem usado, reforma, arruma e vai trabalhar. É no peito, na cara e na coragem.

- Fiodócio Reutov - agricultor em Campo Verde.

O agricultor Fiodócio Reutov cultiva 320 hectares de soja e milho. E por conta própria, iniciou um projeto de armazenagem. Está reformando equipamentos para beneficiar os grãos na fazenda e ficar livre das classificações e descontos de armazenagem.

Notícias

  • Armazém para Todos é lançado pela Aprosoja MT.

    A disparidade em relação a produção e a capacidade de armazenagem é o grande gargalo do setor produtivo. leia mais

  • Diretoria trata demandas do setor com ministra Tereza Cristina.

    Diretoria da Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja MT) se reuniu com a ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Tereza Cristina, nesta segunda-feira (17.05), [...] leia mais

  • Maior produtor do país não tem onde guardar grãos.

    Conforme dados da Conab, os agricultores podem armazenar somente 30,1% da capacidade do Estado. leia mais